• Hoje: segunda-feira, maio 28, 2018

Jovem foi embalsamada viva por erro médico

c006646dc8b45def7b1d819ea3b829e2-783x450
J. Sousa
abril19/ 2018

Uma jovem russa morreu no hospital depois de os médicos lhe terem injetado uma substância usada para embalsamar cadáveres em vez de soro fisiológico.

Ekaterina Fedyaeva, de 27 anos, deslocou-se até ao hospital de Ulyanovsk, na Rússia, para se submeter a uma cirurgia de rotina. Depois da intervenção, os médicos trocaram o soro que estava a ser administrado por via intravenosa por uma solução com formaldeído, uma substância usada no processo de embalsamento.

Depois do erro médico, a russa começou por sentir dores fortes e convulsões constantes. No entanto, foi enviada apara casa com alta, antes de entrar em coma, avança o CM. Enquanto a substância – que evita que os corpos entrem em decomposição – se espalhava pelo corpo, Ekaterina sofrer várias paragens cardiorrespiratórias.

A jovem foi levada de urgência para outro hospital, em Moscovo, onde recuperou a consciência por alguns segundos. No entanto, acabou por morrer, vítima de falência múltipla de órgãos.

“As pernas começaram a mover-se sem que ela as controlasse. O corpo começou a contorcer-se e teve convulsões ininterruptas. Tentei tapá-la com um cobertor, achei que tinha frio, mas agitava-se cada vez mais. Foi horrível, nem consigo descrever”, conta a mãe da vítima, Galina Baryshnikova.

Segundo a mãe da jovem, os médicos detetaram logo o erro médico, e foi por esse motivo que lhe deram alta. “Eu pedi-lhes ajuda. Não fizeram caso e mataram-na. Eles só queriam que nós desaparecêssemos para esconderem tudo. A minha filha sofreu durante 14 horas enquanto o formaldeído a destruía por dentro“, lamenta.

Confrontada pela família, a direção do hospital acabou por assumir que teria havido “um erro médico. As autoridades estão a investigar o caso, depois de a família da vítima etr formalizado uma queixa.

Para tentar salvar Ekaterina Fedyaeva foram usados mais de 50 medicamentos diferentes.

Créditos: ZAP

J. Sousa

Your email address will not be published. Required fields are marked *

big banner