• Hoje: segunda-feira, janeiro 27, 2020

Deputados Augusto Bezerra e Paulinho da Varzinhas são condenados a mais de 12 anos de prisão

montagem-deputados-estaduais
J. Sousa
abril25/ 2018

Eles são réus do processo criminal de desvio de verbas de subvenção da Assembleia Legislativa de Sergipe.

julgamento do desvio de verbas de subvenções da Assembleia Legislativa de Sergipe, referente ao ano de 2014, foi retomado na manhã desta quarta-feira (25), após pedido de vista do desembargador Alberto Romeu Gouveia, realizado no último dia 11.

Durante o pleno do Tribunal de Justiça de Sergipe, os desembargadores votaram, em sua maioria, pela condenação em regime fechado dos deputados estaduais Augusto Bezerra (PHS) e Paulinho da Varzinhas (PSC), ambos condenados a 12 anos, sete meses e um dia, além de pagamento de multa. A defesa dos deputados informou que vai recorrer da decisão.

O empresário Nollet Feitosa foi condenado a nove anos e um mês em regime fechado e a pagamento de multa. Outros três réus citados no processo foram condenados a regime semiaberto e pagamento de multa.

O advogado de defesa de Nollet, Israel Mendonça Souza, reafirmou que o cálculo dos crimes estava errado e os dois votos divergentes ao do relator confirmar o que havia dito antes. “E vou além, não me conformo com o crime de lavagem de dinheiro do meu cliente, porque não existe localização, não existe dissimulação, não existe nada que venha a se incidir esse crime. Vou recorrer em relação a esse tipo e também a delação premiada, porque a majorante seria dois terços, pois o meu cliente entregou as provas materializadas. Sem esses fatos não haveria procedentes da ação penal”, desabafa o advogado de defesa, Israel Mendonça Souza.

Créditos: G1/SE

J. Sousa

Your email address will not be published. Required fields are marked *

big banner