• Hoje: sexta-feira, abril 19, 2019

Comerciante acusa Prefeito de São Cristóvão por corte de energia

IMG_20190326_215826
J. Sousa
março26/ 2019

Desde a semana passada, dono de estabelecimentos que trabalham com bar, teve o fortalecimento de energia elétrica cortada e perdeu clientes e mercadorias além do prejuízo financeiro. Ele alega que o prefeito de São Cristóvão (SE), Marcos Santana, foi o responsável pelo pedido de corte junto a Energisa.

O comerciante, José Edinaldo dos Santos de 40 anos, que comercializa em um box externo do Mercado Público Municipal Lauro Rocha de Andrade que fica localizado à Rua Marechal Deodoro na sede do município, falou ao Portal Rw News que estar sem energia desde a tarde da última quarta-feira (20).

José falou que foi até à Energisa e lá foi informado que o pedido havia partido da gestão. Além do corte no fornecimento da energia, também foi levado o medidor e os fios.

Apenas o box do seu José teve o corte no fornecimento de energia, e segundo ele, os outros donos de estabelecimentos que trabalham nos outros box, não tiveram o fortalecimento cortado.

Na mesma semana circulou um áudio nos grupos de WhatsApps, onde supostamente uma discussão sobre o lixo que fica aproximadamente 10 metros do comércio de sei José, entre o prefeito e o comerciante, bombou e causou polêmica. Depois deste tal áudio ter circulando nas redes sociais, o comerciante foi surpreendido com o corte no fornecimento de energia do seu box.

A Rw News entrou em contato com a assessoria de comunicação da prefeitura e indagou sobre a alegação. Segundo informações da assessoria, a mesma não teve conhecimento dessa informação.

Ainda segundo a assessoria, a prefeitura solicitou um pente fino nas despesas de todas as secretarias e foi observado que prédios públicos que não eram ocupados pela prefeitura possuia rede de energia paga pela mesma, logicamente foi solicitado o desvinculo.

J. Sousa

Your email address will not be published. Required fields are marked *

big banner